H. P. Lovecraft, Chaosium, Cthulhu e RuneQuest 7ª ed.

Share Button

ChaosiumGazette
Eu recebo a Chaosium Gazette por e-mail e só agora fui entender uma série de coisas acontecendo por aquelas bandas. Então, como diria Jack, o estripador, vamos por partes:

1º) 125º Aniversário de H. P. Lovecraft

Lovecraft-draw
Nosso mestre Lovecraft!

Nosso “muso” do terror nasceu em 20 de Agosto de 1890. Ontem comemoramos 125 anos da vinda de Grande Antigo ao mundo dos homens. Parabéns para ele, já falecido, claro, em 15 de Março de 1937. E parabéns para nós que tivemos a graça de tê-lo neste mundo escrevendo o que escreveu.

Dicas. Comprem esses livros:

O Mundo Fantástico de H. P. Lovecraft. Organização de Denílson Earhart Ricci. Editora Clock Tower. A primeira edição é de 2013 a segunda de 2014. Teve baixa tiragem, deve ser difícil conseguir. Sugiro pesquisar na página da editora no facebook.

Chamado de Cthulhu (RPG). Editora Terra Incógnita. É pré-venda, quando juntar 150 compradores eles mandam pra gráfica. Inclui livro físico + PDF + aventura em PDF. Encomende aqui.

2º) A Nova Chaosium

Pronuncia-se Quêi-ou-zium. Para os hereges que não sabem o que é isso, é a editora resposável popr publicar os jogos de roleplaying: Call of Cthulhu (CoC), Basic Roleplaying (BRP), Stormbringer e outros. Em épocas remotas ela publicou o RuneQuest (RQ) 1ª e 2ª edições. Todos eles são chamados de Sistema d100. Para ter uma ideia, o sistema Daemon é uma variante dele (a mais distante da família).

Ela foi fundada por Greg Stafford, criador do mundo de Glorantha e um dos criadores do RQ. Stafford saiu da Chaosium e fundou a Issaries, levando consigo Glorantha e a marca RuneQuest, mas não do sistema de regras, que ainda era da Chaosium. Pra encurtas a história: ele licenciou o uso da marca pra Mongoose Publishing que publicou RuneQuest I e II. Depois ele tirou da Mongoose e entregou pra The Design Mechanism (TDM), que publica o RuneQuest 6ª edição. Pra entender melhor e mais detalhadamente essa confusão deliciosa, leiam este outro post: RuneQuest, Basic Roleplaying, Legend, OpenQuest e GORE.

Mas, os ventos mudam…

Greg Stafford tinha voltado de uma estadia de um ano no México [nota] decidido a passar para alguma outra editora o peso de administrar a Issaries. Ele o fez em 2013: os direitos de Glorantha, RuneQuest e HeroQuest (o jogo de RPG, não o tabuleiro) foram VENDIDOS para a Moon Design Publications. Essa empresa estava licenciando (alugando) a marca e o mundo de Glorantha, publicando livros e suplementos para ele.

Como ficaram as empresas:

Issaries (de Greg Stafford) não sei se continuará existindo, mas de fato já não possui nenhuma marca sua. Mas é possível que ela seja uma das proprietárias da editora Chaosium agora. Ao menos Greg Stafford deve ser.

The Design Mechanism (TDM, de Lawrence Whitaker e Pete Nash) continuará existindo, e fez acordo para continuar a editar e escrever suplementos para RuneQuest, porém os livros serão vendidos pela Chaosium. Na prática eles trabalham para a Chaosium.

Moon Design Publications (de Rick Meints), continuará existindo, mas comprou PARTE da Chaosium, então agora ela é UMA das proprietárias da empresa e faz parte da direção. No acordão que teve, ela transferiu os direitos de Glorantha, RuneQuest e HeroQuest para a Chaosium. Com isso Glorantha e RuneQuest voltam para a empresa que os criou!!!

Chaosium, sai fortalecida, porque agora Rick Meints é o CEO/Presidente da Chaosium; Lawrence Whitaker e Pete Nash são editores da linha RuneQuest; enquanto que Greg Stafford, Sandy Petersen (criador do jogo Call of Cthulhu e co-autor da 2a edição de RuneQuest), Rick Meints, Jeff Richard, Michael O’Brien e Neil Robinson são diretores e compõem o Conselho de Administração da empresa. Diretores e o Conselho são membros eleitos pelos acionistas para supervisionar as atividades de uma empresa. Greg Stafford é o presidente deste Conselho. Greg Stafford e Sandy Petersen são ainda Consultores Criativos da Chaosium.

Como ficaram as marcas e jogos:

RuneQuest volta para a Chaosium, e vai ter 7ª edição em 2016, a ser escrita por Lawrence Whitaker e Pete Nash, com o mundo de Glorantha incluso, como o foi nas edições antigas da 1ª à 3ª.

Glorantha volta pra Chaosium, vai ser incluída uma versão do mundo no RuneQuest, mas não sei se teremos outras edições independentes também, como é atualmente o Guide to Glorantha, publicado pela Moon Design do Rick Meints, e vencedor de um prêmio ENnie.

HeroQuest, não faço ideia! Mas acredito que não vão abandonar a marca. Inclusive tem uma disputa judicial dos caras que produzem o jogo de tabuleiro (aquele que foi publicado no Brasil) e a Moon Design que detém a marca. Eles queriam publicar uma nova versão do tabuleiro, mas a marca é de outra empresa, a Moon Design, então viram a confusão né? Pelo que li o RPG HeroQuest vai continuar a ser publicado e também vai usar o mundo de Glorantha.

Call of Cthulhu já tem 7ª edição, ainda não publicada. Teve um financiamento super bem-sucedido para realização desta 7ª edição (mais de US$560 mil). Só que, devido a essa bagunça toda, ainda não foi entregue aos financiadores do projeto, estando atrasado há 2 anos! Era pra ter sido entregue em Outubro de 2013. A Chaosium GARANTIU que está trabalhando duro nisso e que é prioridade da empresa agora. Mas não deu prazo, só disseram que estão olhando e corrigindo as provas de impressão. Então não deve demorar muito.

Basic Roleplaying é o sistema de RPG base do Call of Cthulhu. A impressão está esgotada há alguns meses, talvez há 1 ano. O PDF está à venda por US$21,95 no DriveThruRPG e por um pouco mais no site da Chaosium. Mas não há previsão de reimpressão até devido aos problemas com a 7ª edição do Cthulhu.

Share Button
(Visitado 157 vezes, 1 visitas hoje)